Vin Diesel e The Rock discutem filosofia nos bastidores de filme

Imagem: Universal Studios/COMCAST

 

Por Bruno Balduíno

Se você acha que Dwayne Johnson e Vin Diesel são apenas músculos e cabeças raspadas, você está enganado. Os dois maiores astros do cinema de ação contemporâneo e protagonistas da franquia Velozes e Furiosos também são conhecidos no meio artístico por suas divagações existencialistas.

Mas parece que o combo filosofia e bíceps atrofiados nem sempre encontra harmonia. Os dois tiveram um desentendimento durante as gravações do oitavo filme da série. Ao que tudo indica, Vin Diesel ficou insatisfeito com as críticas do colega ao racionalismo holandês de Espinoza. The Rock já declarou por diversas vezes a sua simpatia ao idealismo transcendental de Hegel.

A briga deixou um clima tenso nas gravações e o diretor precisou intervir para acalmar o ânimo dos atores. O mediador convenceu ambos a resolverem a polêmica por meio de artigo acadêmico de 12 páginas, seguindo as regras da ABNT. Schwarzenegger, Stallone e Bruce Willis foram convidados para formar a banca que decidirá o vencedor.

Filosofia e halterofilismo tem uma relação de longa data. O historiador Leonardo Stronda afirma que “a Academia de Platão, famoso colégio da Grécia Antiga, também era um local bastante frequentado pelos marombas de Atenas.” Segundo o especialista, Sócrates foi o criador do lema “FIKA GRANDE, PORRA!”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: