Seguindo aliados, Diabo rompe apoio a Michel Temer

Por Bruno Balduino

 

Após anos de parceria com o presidente Michel Temer, o Diabo anunciou o rompimento com o governo nessa sexta-feira. O comunicado foi feito pela assessoria de imprensa do tinhoso, acompanhando o posicionamento de partidos que compunham a base aliada, como PSB e PTN, além do PPS, que já voltou atrás na decisão de abandonar o governo.

Segundo apurado pela nossa equipe, Temer e o coisa ruim se conheceram há cerca de 20 anos quando o então presidente da Câmara foi convidado para um pôquer na casa do ex-presidente José Sarney. Contudo, nos últimos meses Temer tem evitado proximidade com o amigo e até deixou de seguir o ex-aliado no Twitter.

No anúncio de hoje, Lúcifer afirma que “Michel Temer vinha desempenhando um papel importante como articulador, mas não se fazem mais estagiários como Adolf, Benito etc.” Ao final, o texto acrescenta que o “Inferno né bagunça.” Até o fechamento dessa matéria, Temer ainda não havia se manifestado.

Um dos mais influentes lobistas da política nacional, Lúcifer e seus empreendimentos estão imunes à Lava-Jato e outras operações de destaque da Polícia Federal. Após o anúncio, o clima de euforia tomou conta do grupo de WhatsApp do Congresso Nacional. A disputa pelo posto de queridinho do capiroto promete ser quente.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: